EMBRAER

La Aviación militar en Latinoamérica. Organización, pilotos y aviones de guerra. La industria aeronáutica.
Brasil
Teniente Coronel
Teniente Coronel
Mensajes: 2063
Registrado: 06 Feb 2007, 19:25
Ubicación: BRIC
Brasil

EMBRAER

Mensaje por Brasil »

Imagen


Embraer, la Empresa Brasileira de Aeronáutica S.A. es una fábrica aeronáutica brasileña. La compañía produce aviones comerciales, militares y ejecutivos. Ha sido el mayor exportador del país entre 1999 y 2001, ocupando siempre alguno de los tres primeros puestos en Brasil. Entre las fábricas aeronáuticas ocupa el tercer puesto, en cuanto al número de personas que integran su fuerza laboral (por detrás de Boeing y Airbus) y es la tercera en cantidad de entregas anuales de aviones (por detrás de Boeing y Airbus).

La compañía tiene su sede central en São José dos Campos, São Paulo, junto con su planta principal y el centro de diseño e ingeniería. Embraer cuenta con otra planta en Gavião Peixoto, también en el estado de São Paulo, donde se fabrican los componentes más importantes y se controlan las pruebas de vuelo. Cabe destacar que esta instalación cuenta con una pista de 5.000 metros de longitud.

Embraer posee delegaciones comerciales y de mantenimiento en los Estados Unidos, así como oficinas comerciales en Francia, Singapur y China.

Al 30 de septiembre de 2005, Embraer tenía una plantilla de 17.046 trabajadores (incluyendo los empleados de la compañía portuguesa OGMA) y una cartera de pedidos por 10.400 millones de dólares USA.

El 31 de mayo de 2005 la compañía anunció sus planes de presentar dos nuevos modelos de avión, los Phenom 100 y 300, en el mercado de la aviación ejecutiva. Estos nuevos modelos buscan complementar la oferta existente con el Legacy 600 en los segmentos de aviones ligeros y muy ligeros. Asimismo, el 2 de mayo de 2006 la empresa anunció la próxima comercialización de una versión ejecutiva de su reactor E-190, llamada Lineage 1000, cuyas primeras entregas están previstas para mediados de 2008.



Aviones originales

Comerciales

* Embraer EMB 110 Bandeirante
* Embraer EMB 120 Brasilia
* Embraer EMB 121 Xingú
* Embraer/FMA CBA 123 Vector
* Familia ERJ 145, que comprende:
o Embraer ERJ 135
o Embraer ERJ 140
o Embraer ERJ 145
* Familia Embraer E-Jets, que comprende:
o Embraer 170
o Embraer 175
o Embraer 190
o Embraer 195


Militares
* Embraer EMB 312 Tucano
* Embraer EMB 314 Super Tucano
* AMX International AMX
* Variantes militares de la familia Embraer ERJ 145, que comprenden:
o Embraer 145 AEW&C
o Embraer 145 RS/AGS
o Embraer P-99

Ejecutivos
* Embraer Lineage 1000
* Embraer Legacy 600
* Embraer Phenom 100
* Embraer Phenom 300

Fumigadores

* Embraer EMB 202 Ipanema





PAGINA en la web

PORTUGUES:
http://www.embraer.com.br/portugues/content/home/


INGLÊS
http://www.embraer.com.br/english/content/home/



















Aca seran publicados noticias y comentarios sobre EMBRAER


Saludos


AD ASTRA PER ASPERA

Brasil
Teniente Coronel
Teniente Coronel
Mensajes: 2063
Registrado: 06 Feb 2007, 19:25
Ubicación: BRIC
Brasil

Mensaje por Brasil »

Primeiro Jato Executivo PHENOM 300 Realiza Vôo Inaugural
Aeronave da categoria light jet decola com sucesso da Unidade Gavião Peixoto

São José dos Campos, 29 de abril de 2008 – O Phenom 300 da Embraer, aeronave que estabeleceu novos padrões para a categoria light jet, decolou pela primeira vez com sucesso, hoje, na pista de teste da Unidade Gavião Peixoto. Nos próximos meses, o primeiro Phenom 300, número de série 99801, participará da campanha de testes juntamente com outros três jatos Phenom 300. A entrada em serviço da aeronave está prevista para o segundo semestre de 2009.

“Este primeiro vôo do jato executivo Phenom 300 é um momento histórico muito especial para todos nós da Embraer e eu parabenizo cada um dos nossos empregados por esta conquista”, disse Frederico Fleury Curado, Diretor-Presidente da Embraer. “Anunciamos os jatos Phenom há aproximadamente três anos, deixando claro ao mercado de aviação executiva o nosso compromisso em nos tornarmos, a longo prazo, um dos principais fabricantes. O primeiro vôo do Phenom 300 é mais uma confirmação da nossa determinação e um passo fundamental na estratégia da Embraer de oferecer uma linha de produtos que atenda plenamente a crescente e exigente expectativa dos clientes.”

O processo de desenvolvimento da aeronave foi completamente digital e contou também com total comprometimento das equipes envolvidas no programa, o que permitiu antecipar esse vôo, originalmente programado para meados do ano.

“Estamos entusiasmados com o sucesso do primeiro vôo do Phenom 300, que nos dá confiança para as próximas etapas do programa”, disse Luís Carlos Affonso, Vice-Presidente Executivo da Embraer para o Mercado de Aviação Executiva. “O Phenom 300 oferecerá uma experiência de viagem inigualável, com o maior conforto e melhor desempenho da categoria light jet.”

Durante o vôo de uma hora e vinte e dois minutos, o Comandante John Sevalho Corção e o Comandante-Chefe Eduardo Alves Menini, que também participou da tripulação do primeiro vôo do Phenom 100, acompanhados pelo engenheiro de ensaios em vôo Jens Peter Theodor Geiger Wentz, realizaram uma série de manobras com o avião, verificando as características de vôo da aeronave e o funcionamento dos sistemas. Simultaneamente, as equipes de engenharia envolvidas na campanha de ensaios do programa Phenom 300 analisaram os dados do vôo, transmitidos em tempo real, e apoiaram, no solo, a tripulação.

“A tripulação se sente honrada em participar desse importante evento, que representa o grande trabalho de centenas de pessoas, as quais parabenizamos”, disse o Comandante Corção. “A qualidade do projeto do Phenom 300 e a alta tecnologia embarcada proporcionaram um vôo muito suave e agradável, aumentando a emoção de voar a aeronave pela primeira vez.”

Com uma programação similar à do Phenom 100, três jatos Phenom 300 cumprirão um programa de certificação de aproximadamente 1.400 horas. Uma quarta aeronave será dedicada à campanha de maturidade. Os testes a serem realizados pela aeronave 99801 terão foco no desempenho e na definição da configuração aerodinâmica. Outros testes, tais como os relativos ao funcionamento e confiabilidade dos sistemas, vibrações em solo, qualidades de vôo, vibração (flutter), operação em pista molhada (water spray) e sistema de reabastecimento por ponto único, entre outros, serão realizados pelas três primeiras aeronaves de testes.

Sobre o Phenom 300 O jato Phenom 300 é o melhor da sua classe. Conforto superior, desempenho excepcional e baixo custo de operação são requisitos imprescindíveis no projeto desta aeronave, que oferecerá aos pilotos e passageiros conforto e estilo sem paralelo em suas categorias. A sensação de ambiente agradável e relaxante é ainda mais enfatizada pelas amplas janelas e comodidade proporcionada pela maior cabine em sua classe. Outros itens a bordo incluem espaço para um armário ou copa, um lavabo privativo traseiro e comunicação via satélite.

A funcionalidade da cabine de pilotagem e as qualidades de vôo da nova aeronave permitirão a operação por apenas um piloto. Empregando a experiência em projeto e engenharia da Embraer, o jato Phenom 300 será construído para alta utilização e disponibilidade. Para garantir segurança e confiabilidade adicionais, a aeronave oferecerá um sistema brake-by-wire com a funcionalidade antiderrapante na configuração padrão.

Baseado nos sistemas aviônicos da Garmin, que são completamente integrados e totalmente digitais, a cabine de comando Prodigy® oferece aos pilotos do Phenom 300 mais vantagens que qualquer outro conjunto de aviônicos no mercado atual. A cabine de pilotagem dispõe de três monitores intercambiáveis de 12 polegadas, sendo dois Primary Flight Displays (Monitores Primários de Vôo, PFD em inglês) e um Multi-Function Display (Monitor de Função Múltipla, MFD). O sistema integra todas as informações primárias de vôo, navegação, comunicação, topologia, tráfego, meteorologia, instrumentação dos motores e sistemas de alerta da tripulação, e apresenta a informação consolidada em três monitores de cristal líquido com matrizes ativas, coloridos, de alto brilho e plenamente legíveis à luz do sol.

O Phenom 300 transportará até dez ocupantes. Os compartimentos de bagagem somam 2,15 metros cúbicos (76 pés cúbicos) de capacidade e acomodarão malas e equipamentos de golfe e esqui.

O jato será equipado com dois motores PW535E da Pratt & Whitney Canadá, com 3.200 libras de empuxo cada. Seu alcance, com velocidade máxima de Mach 0,78 e seis ocupantes a bordo, será de 3.334 km (1.800 milhas náuticas), incluindo reservas NBAA IFR (35 minutos de espera e alternativa de 100 milhas náuticas). O avião também é projetado para decolar em pistas curtas e é capaz de voar a 45.000 pés (13.716 metros) de altitude. Estas características permitirão aos clientes voar sem escalas de São Paulo (Brasil) a Manaus (Brasil) ou Santiago (Chile); de Buenos Aires (Argentina) a Salvador (Brasil) ou La Paz (Bolívia); ou de Caracas (Venezuela) a La Paz, Jacksonville, no Estado norte-americano da Florida, ou às ilhas Bermudas, no Caribe, a um custo operacional menor que o de aeronaves concorrentes.

O Phenom 300 deverá entrar em serviço no segundo semestre de 2009 e tem preço de US$ 6,65 milhões (configuração básica, sem opcionais), nas condições econômicas de janeiro de 2005 para certificação FAA.




VIDEO DEL PRIMER VUELO DEL PHENON 300

http://www.youtube.com/watch?v=8mze12A6L3o





Phenon 100 y Phenon 300
Imagen


FONTE: http://www.defesanet.com.br/emb1/phenom ... ght_1.htm#


(el Phenon 100 ya realizó su primer vuelo. el proximo passo seran las categorias entre el Phenon 300 y el Legacy 600)










SALUDOS


AD ASTRA PER ASPERA

Avatar de Usuario
Andrés Eduardo González
General
General
Mensajes: 22945
Registrado: 05 Jul 2007, 17:33
Ubicación: Bogotá (Colombia)
Colombia

Mensaje por Andrés Eduardo González »

:cool: :cool: Orgullo del Brasil, así la califico. En Colombia vuelan Bandeirantes, Brasilias, Tucanos, Súpertucanos, ERJ-145, ERJ-170 y ERJ-190....


«Un pesimista ve la dificultad en cada oportunidad, un optimista ve la oportunidad en cada dificultad». (Winston Churchill)

Avatar de Usuario
ATLANTA
General de Brigada
General de Brigada
Mensajes: 4768
Registrado: 25 Ago 2007, 09:46
Ubicación: Talcahuano
Chile

Mensaje por ATLANTA »

Le esta yendo de maravillas a esta empresa con su producto Super Tucano, lo digo por lo que podido apreciar en las últimas semanas con las deciciones de Chile y Ecuador para adquirir estas aeronaves para sus respectivas Fuerzas aereas y no se descarta que otros por estos lares se unan al club.

saludos


\\\\\\\"Mientras más sudor derrames en la paz, menos sangre derramaras en la guerra\\\\\\\\"

Avatar de Usuario
Andrés Eduardo González
General
General
Mensajes: 22945
Registrado: 05 Jul 2007, 17:33
Ubicación: Bogotá (Colombia)
Colombia

Mensaje por Andrés Eduardo González »

:cool: :cool: Cómo que le sirvió la buena publicidad que recibió el Supertucano con la operación del 1 de marzo en Ecuador contra Raúl Reyes....


«Un pesimista ve la dificultad en cada oportunidad, un optimista ve la oportunidad en cada dificultad». (Winston Churchill)

Adiutrix
General de Brigada
General de Brigada
Mensajes: 5414
Registrado: 24 Nov 2005, 01:42

Mensaje por Adiutrix »

Resultados financieros de la compañía al 31 de marzo del 2008.

http://www.embraer.com.br/institucional ... 8-I-08.pdf

Una tremenda cantidad de pedidos en firme, aunque la revalorización del real frente al dólar está afectando un poco sus márgenes brutos.

Aun así, esos 46 centavos de dólar en utilidades (diluídas) por acción quedaron algo por debajo de los "pronósticos" de Wall Street.



Brasil
Teniente Coronel
Teniente Coronel
Mensajes: 2063
Registrado: 06 Feb 2007, 19:25
Ubicación: BRIC
Brasil

Mensaje por Brasil »

A Índia comprou três aeronaves EMB145AGS de reconhecimento terrestre com entrega prevista para 2011.

Imagen


AD ASTRA PER ASPERA

Brasil
Teniente Coronel
Teniente Coronel
Mensajes: 2063
Registrado: 06 Feb 2007, 19:25
Ubicación: BRIC
Brasil

Mensaje por Brasil »

A EMBRAER vendeu 12 aeronaves Super Tucanos para o Chile e 24 para o Equador com um custo total de US$ 384 milhões incluindo treinamento e apoio logístico. O padrão é semelhante aos Super Tucanos da Colômbia. Na concorrência chilena o Super Tucano venceu o PC-21, o Texan II, o Pampa AT-63, o T-50 coreano e o italiano M-346. O Equador pode encomendar mais outras aeronaves. A Republica Dominicana e a Guatemala também selecionaram o Super Tucano mas ainda não fizeram encomendas. Outros países que podem adquirir o Super Tucano é o México, Emirados Árabes e Indonésia. A empresa americana Blackwater adquiriu uma aeronave para uso civil. O Equador também está interessado em um ou duas aeronaves EMB-145 de alerta aéreo antecipado. Cada aeronave deve custar US$ 80 milhões sem suporte.

Imagen


AD ASTRA PER ASPERA

Brasil
Teniente Coronel
Teniente Coronel
Mensajes: 2063
Registrado: 06 Feb 2007, 19:25
Ubicación: BRIC
Brasil

Mensaje por Brasil »

EMBRAER FORNECERÁ JATOS EMBRAER 190
AO GOVERNO BRASILEIRO
Aeronaves servirão à Presidência da República


São José dos Campos, 2 de junho de 2008 – A Embraer assinou hoje contrato para a venda de dois jatos EMBRAER 190 ao governo brasileiro, cuja finalidade será o transporte de autoridades. As aeronaves serão configuradas especialmente para este fim e serão operadas pelo Grupo de Transporte Especial (GTE) da Força Aérea Brasileira (FAB), que serve à Presidência da República, ministérios, secretarias da Presidência, autoridades dos poderes legislativo e judiciário.

Imagen

“Será um orgulho e uma honra para todos os empregados da EMBRAER ver nosso EMBRAER 190 voando nas cores da República Federativa do Brasil”, afirmou o Diretor- Presidente da Embraer, Frederico Fleury Curado.“Temos certeza de que os atributos que vêm assegurando o sucesso desse modelo de aeronave em todo o mundo – conforto, segurança, desempenho, tecnologia avançada e economicidade – contribuirão para a excelência da operação do GTE no cumprimento de sua missão no âmbito da Força Aérea Brasileira e do Estado Brasileiro.”

As aeronaves serão configuradas com sistemas especiais de comunicação, visando um nível máximo de segurança, além de uma área privativa para o Presidente da República, incluindo espaço para reuniões. Terão, ainda, capacidade para transportar cerca de 40 passageiros com um alcance que abrange toda a América do Sul, a partir de Brasília, oferecendo, assim, grande flexibilidade operacional para as missões às quais se destinam.

“A Embraer é referência na indústria mundial aeronáutica e a compra dessas novas aeronaves está em consonância com os objetivos da política de desenvolvimento industrial do país”, disse o Tenente-Brigadeiro-do-Ar Juniti Saito, Comandante da Aeronáutica.

A FAB já opera outros modelos de aeronaves de transporte de fabricação Embraer, como o
ERJ 145, o Legacy 600 e o EMB 120 Brasilia. Além dessas, também integram a frota aeronaves militares de projeto e fabricação nacional, como o AMX, Tucano, Super Tucano e os aviões de inteligência, vigilância e reconhecimento (Intelligence, Surveillance and Reconnaissance – ISR) operados no âmbito do Sistema de Vigilância da Amazônia (SIVAM).

© 2006 [email protected]™- Direitos Reservados


http://www.defesanet.com.br/fab1/emb_190.htm#


AD ASTRA PER ASPERA

Brasil
Teniente Coronel
Teniente Coronel
Mensajes: 2063
Registrado: 06 Feb 2007, 19:25
Ubicación: BRIC
Brasil

Mensaje por Brasil »

VIDEO DE PRESENTACCION DEL NUEVO AVION DE LA FUERZA AEREA BRASILEÑA, EL EMB-190 LINEAGE:



http://br.youtube.com/watch?v=_2PSsJbXDQU




SALUDOS


AD ASTRA PER ASPERA

Brasil
Teniente Coronel
Teniente Coronel
Mensajes: 2063
Registrado: 06 Feb 2007, 19:25
Ubicación: BRIC
Brasil

Mensaje por Brasil »

Imagen


EMBRAER ENTREGA O 400º E-JET
Aeronave será operada pela Republic Airlines




São José dos Campos, 5 de junho de 2008 – A Embraer entregou hoje o 400o E-Jet, em cerimônia realizada na sede da Empresa, em São José dos Campos, Estado de São Paulo. A aeronave, um EMBRAER 175, foi encomendada pela Republic Airlines, dos Estados Unidos, uma subsidiária da Republic Airways Holdings. O jato, configurado em classe única, acomoda confortavelmente 86 passageiros. Este evento histórico acontece pouco mais de sete meses após a entrega do 300o E-Jet, realizada em outubro de 2007.

“A entrega do 400o E-Jet confirma a excelente aceitação mundial desta família de aeronaves e temos orgulho de comemorar esta marca com nossos grandes amigos da Republic Airways Holdings”, disse Frederico Fleury Curado, Diretor-Presidente da Embraer. “Nosso foco na satisfação do cliente e projeto avançado e de alto desempenho dos nossos produtos têm motivado as companhias aéreas a fazer novas encomendas e confirmar suas opções de compra, mostrando que a Embraer está no caminho certo.”

O relacionamento da Empresa com a Republic data de 1999, quando a Chautauqua Airlines, também uma subsidiária da Republic Airways Holdings, recebeu seu primeiro ERJ 145 nas cores da US Airways Express.

A Republic Airways é o maior operador de E-Jets do mundo, com 110 aeronaves – 76 EMBRAER 170 e 34 EMBRAER 175 – voando nas cores da US Airways Express, United Express e Delta Connection. A Chautauqua Airlines opera ainda os três modelos da família ERJ 145 – o ERJ 135, o ERJ 140 e o ERJ 145, totalizando 90 aviões, nas cores da Delta Connection, United Express, Continental Express e US Airways Express.

“Estamos emocionados por receber o 400º E-Jet de nossos grandes amigos em São José dos Campos. Esta é uma importante marca tanto para a Embraer como para a Republic. Nos últimos quatro anos, a família de E-Jets auxiliou nossa empresa a competir com sucesso em um mercado extremamente desafiador. Esta entrega representa o 111º E-Jet operado pela Republic, que se juntará à nossa frota de 90 aeronaves da família ERJ 145”, disse Bryan Bedford, Presidente do Conselho de Administração, CEO e Presidente da Republic Airways

Holdings, empresa controladora da Chautauqua Airlines, Republic Airlines e Shuttle America. “Os E-Jets continuam a ser muito admirados por nossos clientes pela espaçosa e confortável cabine, que permite à Republic oferecer a seus parceiros um produto inigualável e apropriado às operações em rotas principais atendidas por aeronaves narrowbody.”

Além da família de E-Jets ter provado ser uma ferramenta altamente versátil para as empresas aéreas regionais de todo o mundo, as aeronaves também têm a flexibilidade necessária para permitir sua utilização por companhias aéreas tradicionais em seus mercados principais.

Operadores de baixo custo também utilizam os E-Jets com sucesso em todo o mundo. Em 31 de março de 2008, a família EMBRAER 170/190 de E-Jets possuía 835 ordens firmes e 840 opções de mais de 45 clientes em 28 países, tendo ultrapassado a marca de 1,4 milhões de horas voadas.

Sobre a Republic Airways Holdings

A Republic Airways Holdings tem base em Indianápolis, Estado de Indiana, Estados Unidos, e é uma empresa holding e controladora da Chautauqua Airlines, Republic Airlines e Shuttle America. As companhias aéreas oferecem cerca de 1.300 vôos regulares diariamente para passageiros em 121 cidades de 39 Estados norte-americanos, Canadá, México e Jamaica, por meio de acordos com seis empresas dos Estados Unidos. Todos os vôos são operados com a marca da companhia aérea parceira, como a AmericanConnection, Continental Express, Delta Connection, Frontier Airlines, United Express e US Airways Express. As empresas aéreas têm atualmente cerca 5,000 profissionais de aviação e operam 226 jatos regionais.

Sobre a Família EMBRAER 170/190 de E-Jets

A família EMBRAER 170/190 é composta por quatro jatos comerciais com 70 a 122 assentos, fruto de um projeto de engenharia avançado que apresenta performance destacada, grande economia operacional e uma ampla cabine.

Os E-Jets têm velocidade operacional máxima de Mach 0,82 e voam a 12.497 metros (41.000 pés) de altitude, com um alcance de até 4.448 km (2.400 milhas náuticas).
O alto grau de comunalidade entre as quatro aeronaves resulta em uma excepcional redução nos custos de manutenção e de peças de reposição. Outro ponto forte é a tecnologia fly-by-wire utilizada no sistema de comandos de vôo, semelhante à empregada em jatos comerciais maiores e aeronaves militares.

A família de jatos EMBRAER 170/190 oferece conforto superior com o projeto da fuselagem em dupla-bolha, que inclui duas entradas principais para passageiros e duas portas de serviço que minimizam o tempo de permanência em solo. Os E-Jets oferecem muito mais espaço ao passageiro, em uma única ou em duas classes, que qualquer outra aeronave do mesmo tamanho.


AD ASTRA PER ASPERA

Avatar de Usuario
South_Ghost
Soldado
Soldado
Mensajes: 33
Registrado: 25 May 2008, 23:06

Mensaje por South_Ghost »

Exelente aparato el Supertucano. Mejor todavía el éxito de EMBRAER: mis felicitaciones y ojalá que esta empresa sudamericana le rompa el cu...o a los europeos Airbus y a los gringos Boeing...toda la suerte del mundo para EMBRAER!

Cambiando un poco de tema...qué pasó con el carguero que supuestamente resultaría de una alianza industrial entre la FMA y EMBRAER???



Brasil
Teniente Coronel
Teniente Coronel
Mensajes: 2063
Registrado: 06 Feb 2007, 19:25
Ubicación: BRIC
Brasil

Mensaje por Brasil »

GOVERNO DA ÍNDIA ENCOMENDA TRÊS JATOS
EMB 145 AEW&C DA EMBRAER

Aviões serão utilizados no desenvolvimento do programa de vigilância daquele país



Imagen


[email protected]
India Desenvolverá Alerta Aéreo com Plataforma EMBRAER
http://www.defesanet.com.br/emb1/erj145_drdo.htm

São José dos Campos, 4 de julho de 2008 – A Embraer e o Governo da Índia assinaram um contrato para a compra de três jatos EMB 145 AEW&C (Airborne Early Warning & Control ou alerta aéreo antecipado e controle). O negócio inclui um amplo pacote logístico composto por treinamento, assistência técnica, peças de reposição e equipamentos de apoio em terra.

A renomada plataforma do ERJ 145 é utilizada atualmente em missões de Inteligência, Vigilância e Reconhecimento (Intelligence, Surveillance and Reconnaissance – ISR) no Brasil, México e Grécia, e fará parte do Programa AEW&C da Índia, sob a responsabilidade da Organização para Pesquisas e Desenvolvimento de Defesa (Defense Research and Development Organization – DRDO).

“A Embraer tem orgulho de ter o Governo da Índia como cliente. Nosso relacionamento começou em 2003, com a compra de cinco aeronaves Legacy para o transporte de autoridades”, disse Luiz Carlos Aguiar, Vice-Presidente Executivo da Embraer para o Mercado de Defesa e Governo. “Em nosso compromisso com uma parceria de longo prazo com o Governo da Índia, esperamos continuar colaborando para o fortalecimento da capacidade operacional de vigilância aérea do país.”

A primeira entrega está programada para 2011. As três aeronaves terão equipamentos da cabine e sistemas de missão instalados pelo cliente e se juntarão a quatro jatos Legacy utilizados pela Força Aérea da Índia (Indian Air Force – IAF) para transporte de autoridades indianas e estrangeiras. Um quinto Legacy é operado pela Força de Segurança de Fronteiras (Border Security Force – BSF), subordinada ao Ministério do Interior da Índia.

Sobre o EMB 145 AEW&C

O EMB 145 AEW&C é um dos integrantes da família de aeronaves e sistemas de Inteligência, Vigilância e Reconhecimento (Intelligence, Surveillance and Reconnaissance – ISR) da Embraer. O jato é derivado do ERJ 145, uma das mais bem-sucedidas plataformas dejatos regionais no mundo, com mais de mil aeronaves em operação, 12 milhões de horas de vôo acumuladas e 100 operadores.

A Embraer oferece aeronaves flexíveis, confiáveis e financeiramente acessíveis para missões ISR, mesclando perfeitamente eficiência e economia. A principal missão do EMB 145 AEW&C – equipado com um potente radar de vigilância aérea e sistema de comando e controle, mais uma gama completa de sistemas de suporte à missão, tais como medidas eletrônicas, sistema de comunicação com rede de enlace de dados (data link) e dispositivos de auto-proteção – é detectar, rastrear e identificar alvos dentro da sua área de patrulhamento e transmitir estas informações para forças amigas, de modo a fornecer a elas uma precisa e ampla visão do teatro de operações.

Além dessa missão de alerta aéreo antecipado e controle, o EMB 145 AEW&C também tem capacidade para monitorar o espaço aéreo, controlar o posicionamento de caças em missões de interceptação, inteligência de sinais e vigilância marítima, de fronteira e de Zonas Econômicas Exclusivas.

Dez aeronaves EMB 145 AEW&C já foram entregues a várias forças aéreas no mundo inteiro. A Força Aérea Brasileira (FAB) opera cinco delas no Sistema de Vigilância da Amazônia (SIVAM). Uma outra aeronave está em serviço no México, com a Secretaría de la Defensa Nacional (SEDENA), e a Força Aérea da Grécia (Hellenic Air Force) encomendou quatro jatos para operações junto à Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN).


Imagen


AD ASTRA PER ASPERA

Brasil
Teniente Coronel
Teniente Coronel
Mensajes: 2063
Registrado: 06 Feb 2007, 19:25
Ubicación: BRIC
Brasil

Mensaje por Brasil »

Air Europa compra seis E-195


Imagen

O construtor aeronáutico brasileiro Embraer anunciou a venda de seis aviões E-195 à companhia aérea espanhola Air Europa, filial do grupo Globalia, por 237 milhões de dólares.

Os seis aviões, com 122 lugares cada, serão utilizados em Espanha para voos domésticos, para as Ilhas Baleares, Canárias e voos dentro da Europa.

O modelo Embraer E-195 está no activo desde 2006 e é o maior avião construído pela empresa brasileira, a terceira maior construtora no sector da aviação comercial, superada apenas pela norte-americana Boeing e pela europeia Airbus.

Fonte: Opção Turismo
Última edición por Brasil el 09 Dic 2008, 22:48, editado 1 vez en total.


AD ASTRA PER ASPERA

Brasil
Teniente Coronel
Teniente Coronel
Mensajes: 2063
Registrado: 06 Feb 2007, 19:25
Ubicación: BRIC
Brasil

Mensaje por Brasil »

Embraer entregará 5000º E-Jet no próximo sábado

A entrega do 500o. E-Jet de fabricação Embraer terá um significado bem especial. Além do número de aviões vendidos, como alto atestado da qualidade apresentada pela indústria aeronáutica brasileira, a cerimônia do próximo sábado à noite, na sede da empresa, em São José dos Campos, também trará ao Brasil, pela primeira vez, o presidente do grupo Air France-KLM.

Jean-Cyrill Spinetta virá especialmente para receber da Embraer a aeronave que fará parte da frota da Air France/Régional.

Fonte: BrasilturisJornal


AD ASTRA PER ASPERA

¿Quién está conectado?

Usuarios navegando por este Foro: CommonCrawl [Bot] y 11 invitados